WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
flash day

sindy mega radio

iris calcados
dezembro 2019
D S T Q Q S S
« nov   jan »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

:: 5/dez/2019 . 14:46

Atuv convoca usuários isentos da tarifa do transporte coletivo para realizar cadastro de biometria facial

A Associação das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Vitória da Conquista (Atuv) realiza cadastro de biometria facial dos idosos beneficiários da isenção da tarifa do transporte coletivo. A iniciativa tem como objetivo proporcionar maior segurança para esses passageiros, evitando o uso indevido do Bilhete Eletrônico Municipal (BEM), por meio de empréstimo ou comercialização.

O cadastro segue até o dia 30 de dezembro e pode ser feito em qualquer uma das cinco agências da Atuv existentes na cidade. No momento do cadastramento, o usuário deve apresentar o Bilhete Eletrônico, além dos originais da Carteira de Identidade e CPF.

O coordenador de Transportes da Secretaria de Mobilidade Urbana, Micael Silveira, ressaltou que deverão realizar o cadastro todos os demais beneficiários da gratuidade, inclusive os estudantes que pagam metade do valor da passagem. O cadastramento dos estudantes e demais beneficiários da gratuidade será feito entre os dias 2 e 25 de janeiro de 2020. Os usuários que não fizerem o cadastro terão os cartões BEM bloqueados.

Confira os locais e horários de funcionamento de todas as agências da Atuv:

1) Atuv Centro
Segunda – Sexta: 08 às 18 horas
Sábados: 08 – 12 horas

2) Atuv Glauber Rocha
Segunda – Sexta: 08 às 18 horas
Sábados e Domingos: 08 às 12 horas

3)Atuv Boulevard Shopping
Segunda – Sábado: 10 às 22 horas
Domingo: 14 às 20 horas

4)Atuv Shopping Conquista Sul
Segunda – Sexta: 10 às 21 horas
Sábado: 13 às 21 horas
Domingo: 14 às 18 horas

5) Atuv Uesb
Segunda – Sexta: 09 às 18 horas

Fonte: Blog da Resenha Geral

Bahia registra 736 novos casos de Aids em 2018; veja cidades com maior número

Bahia registra 736 novos casos de Aids em 2018; veja cidades com maior número

Salvador foi a cidade baiana com o maior número de casos de Aids diagnosticados em 2018, de acordo com dados fornecidos pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab). O mês de dezembro é referência na conscientização e combate à Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (Aids). A condição crônica é causada pelo vírus HIV, que danifica o sistema imunológico e interfere na habilidade do organismo de lutar contra outras infecções.

Durante todo o ano de 2018 o estado da Bahia registrou 736 novos casos de Aids. A capital concentrou 313 deles. Feira de Santana, no Portal do Sertão, aparece com o segundo maior índice ao atingir os 54 casos. Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), e Teixeira de Freitas, no extremo sul, aparecem em seguida com 20 casos cada uma.

As maiores cidades do estado aparecem entre as 10 com os maiores números de casos. Não por coincidência, mas por concentrarem um maior contingente populacional.

Os dados indicam que Vitória da Conquista, no sudoeste, contabilizou 18 novos registros em 2018, e Itabuna, no litoral sul, 17 casos. O município seguinte na lista das dez cidades baianas com maior incidência de novos casos de Aids é Lauro de Freitas, também na RMS, com 14 ocorrências.

Juazeiro, no norte da Bahia, e Porto Seguro, no extremo sul, empatam com 13 registros. Por fim está Simões Filho, na RMS, que somou 11.

Na Bahia, a Sesab vai realizar durante todo o mês de dezembro ações que buscam sensibilizar a população quanto à importância do acesso à informação adequada sobre HIV, sobre a evolução dos métodos de prevenção e de tratamento.

Nesta quinta-feira (5), haverá distribuição de preservativos na Fonte Nova, antes do jogo do Bahia com o Vasco da Gama e também acontecerá o IV Seminário Posithivamente, na Associação Baiana de Medicina (ABM), promovido pela Unaids.

Até o dia 16 de dezembro, o calendário de atividades na capital baiana prevê também a inauguração de uma nova farmácia municipal com dispensação de antirretrovirais, no Comércio, e a realização do Seminário de Atualização em HIV e AIDS para gestores de saúde de Salvador – do projeto Viva Melhor Sabendo Jovem Salvador, feito em parceria entre GAPA Bahia, UNICEF, UNAIDS e Secretaria Municipal de Saúde, através do SAE São Francisco. Além disso, neste dia, das 8h30 às 12h, acontecerá Sessão Solene da Câmara dos Vereadores de Salvador, em alusão ao 1° de dezembro Dia Mundial de Luta contra Aids.

Fonte: Bahia Notícias

Por dia, 20 crianças são diagnosticadas com câncer pelo SUS; BA soma 325 casos em 2019

Por dia, 20 crianças são diagnosticadas com câncer pelo SUS; BA soma 325 casos em 2019

A cada dia mais de 20 crianças e adolescentes com idades de zero a 19 anos são diagnosticadas com câncer pelo Sistema Único de Saúde (SUS). A constatação foi feita pela Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), com base no Painel de Monitoramento do Tratamento Oncológico (Painel-Oncologia), do Ministério da Saúde.

A entidade aproveitou a informação para chamar a atenção para a necessidade do diagnóstico precoce da doença que mais mata nesta faixa etária. Ao analisar os dados a SBP identificou que mais de 41 mil crianças e adolescentes receberam resultados positivos de exames para identificar neoplasias entre 2013 e novembro deste ano.

Na Bahia nesse período foram diagnosticados 2.348 casos. Em 2019, somente entre janeiro e novembro o número foi de 325 casos. No país o total chegou aos 6.289 casos diagnosticados neste ano.

A presidente da Sociedade Brasileira de Pediatri, Luciana Rodrigues Silva, avalia que os números confirmam a importância da detecção do câncer em seus estágios iniciais. Ela ressalta que o diagnóstico cedo melhora as chances de cura, aumenta a possibilidade de sobrevida e impacta na qualidade de vida dos pacientes. “É importante valorizar as queixas das crianças e levá-las regularmente ao pediatra. Na maioria das vezes, elas sinalizam para doenças comuns da infância, mas em alguns casos pode ser uma condição mais séria”, argumentou.

Fonte: Bahia Notícias

Mutirão Dezembro Laranja alerta para Câncer de pele

 

Está chegando mais um Dezembro Laranja, campanha do câncer de pele da Sociedade Brasileira de Dermatologia da Bahia (SDB-BA). Com isso, no próximo dia sábado (7), das 8h às 13h, a regional baiana irá realizar um Mutirão de Atendimento para prevenção do câncer de pele em vários postos do estado. Em Salvador, os 40 profissionais envolvidos, esperam realizar 700 atendimentos, no Hospital Aristides Maltez e no Hospital Geral Roberto Santos.

De acordo com a organização do evento, pode participar qualquer pessoa que tenha interesse em comparecer a um dos postos e ser avaliado por um dermatologista, principalmente se apresentar sintomas como: uma pinta com mais de três cores que se modificou ou apareceu recentemente; um ferimento na pele que não cicatriza; um sinal que está inflamando ou sangrando.

Em entrevista para Tribuna da Bahia, a presidente do SDB-BA Dra. Taís Marcelino Ribeiro Valverde, falou que entre as iniciativas, também está prevista, a divulgação nas plataformas digitais (Facebook, Instagram, Youtube e Site), marcadas com as hashtags #DezembroLaranja e #SinaisdoCancerdePele. “O público simpatizante pode se engajar na campanha e compartilhar nas redes sociais, customizando a foto de perfil e as publicações da SBD, por exemplo”, recomendou.

De acordo com a presidente, este ano, além de conscientizar a população sobre a prevenção desde a infância, a iniciativa do evento tem como objetivo principal alertar sobre os sinais do câncer de pele para diagnóstico e tratamento precoce, aumentando as chances de cura na grande maioria dos casos.

Dados daSecretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab)mostram que somente em 2019 foram registradas mais de 1.500 internações por câncer de pele no estado. Cerca de 180 pessoas morreram em razão da doença. A maioria, homens.

Segundo a SBD Nacional, quase 90% dos casos existentes no Brasil são de carcinomas. Apesar de terem letalidade baixa, esses tumores provocam cerca de 1.900 óbitos a cada ano em nosso País. Menos comum, o câncer melanoma é o tipo mais agressivo e, por este motivo, causa mais de 1.700 óbitos anualmente.

TIPOS COMUNS

Dra. Taís Valverde explicou, ainda, que existem diferentes tipos de câncer da pele que podem se manifestar de formas distintas, sendo os mais comuns denominados carcinoma basocelular e carcinoma espinocelular – chamados de câncer não melanoma – e que apresentam altos percentuais de cura se diagnosticados e tratados precocemente. Um terceiro tipo, o melanoma, apesar de não ser o mais incidente, é o mais agressivo e potencialmente letal. “Quando descoberta no início, a doença tem mais de 90% de chance de cura”, tranquilizou a médica.

A dermatologista ressalta que em todos eles, a exposição excessiva e sem proteção ao sol é o principal fator de risco que pode desencadear a doença, que pode se manifestar como uma pinta ou mancha, geralmente acastanhada ou enegrecida. “Como uma pápula ou nódulo avermelhado, cor da pele e perolado, ou como uma ferida que não cicatriza, por exemplo”.

Com isso, a presidente do SDB-BA orienta que as pessoas se examinem com regularidade, consultando um dermatologista em caso de suspeita. “Também é importante que se examine familiares, pois muitas vezes os cânceres podem aparecer em regiões que não é possível reconhecer sozinho. Ao se expor ao sol, é importante que as áreas descobertas estejam protegidas, mesmo em dias frios e nublados”, frisa Tais Valverde.

Fonte: Tribuna da Bahia

tivic radares

pmvc abrinq

checkup day

mg personal


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia