Com aprovação na Câmara de Vereadores de Vitória da Conquista, a redação final do projeto de lei Complementar 07, de 2019, que criou a Guarda Municipal, a Prefeitura iniciou os preparativos com finalidade de preparar os futuros integrantes da Guarda Municipal.

Para a formação da guarda, inicialmente está previsto o aproveitamento dos 350 agentes de segurança patrimonial. “A nossa ideia é, a partir de janeiro de 2020, começar a disparar os processos licitatórios para a aquisição dos equipamentos. Vamos fazer o aproveitamento dos agentes patrimoniais que tenham interesse de atuar e fornecer a eles o curso preparatório e as avaliações para que, já no primeiro semestre, a guarda esteja em funcionamento na cidade”, explica Kairan Rocha, secretário de Administração.

Escola de Formação


Foto: Ilustração

Neste sábado (21), pela manhã, o prefeito Herzem Gusmão (MDB), e os secretários Cel Esmeraldino Correia (Educação), Kairan Rocha (Administração) e Jonas Sala (Fazenda) visitaram no bairro Jurema a Escola de Formação Gideão, especializada na preparação de agentes de segurança. Os vereadores Edvaldo Ferreira Jr, Luis Carlos Dudé e Rodrigo Moreira acompanharam o prefeito na visita.

Outras escolas serão visitadas, e logo a Prefeitura, através de licitação ou chamada pública, definirá qual ou quais academias que serão encarregadas da preparação da equipe da futura GM de Vitória da Conquista.

Dentre os mais de 150 servidores, caberá ao comandante que deverá ser um militar, a escolha do pelotão que utilizará armas de fogo, e outro pelotão para uso de armas não letais.

Fonte: Blog da Resenha Geral