WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
flash day

sindy mega radio

iris calcados
maio 2020
D S T Q Q S S
« abr   jun »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

:: 7/maio/2020 . 8:49

Obras avançam na 2ª etapa da Av. Olívia Flores com implantação da nova iluminação

olivia

A segunda etapa das obras de requalificação da Avenida Olívia Flores chegaram a um novo patamar nesta semana: a instalação dos postes de iluminação dos canteiros centrais. Nesta terça-feira (5), a equipe da coordenação municipal de Iluminação Pública deu início ao serviço. No total, serão instalados 41 postes, com luminárias de LED.

De acordo com o coordenador José Marques, a utilização de LED significa economia. “Para ter a qualidade de iluminação que iremos ter aqui, a Prefeitura vai fazer uma economia de cerca de 70% no consumo, se comparado  com a tecnologia anterior”, explica. Segundo ele, além da implantação da iluminação no canteiro central, as lâmpadas dos postes, nos dois lados da avenida, serão substituídas por lâmpadas de LED.

O secretário de Serviços Públicos, Luís Paulo Sousa, acompanhou o trabalho da equipe nesta quarta-feira (o6). “Estamos felizes em ver esta obra avançar, com um elevado padrão de qualidade que está transformando esta que é uma das principais avenidas da nossa cidade. A população ficou feliz com a finalização da primeira etapa e ficará ainda mais quando a Olívia Flores estiver totalmente revitalizada”, disse.

A segunda etapa da obra compreende o trecho do Colégio Modelo até o Inocoop 2. A revitalização é realizada com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), do Governo Federal, e do Tesouro Municipal.

Blog da Resenha Geral

Secretaria Municipal de Saúde investiga quinta morte suspeita por coronavírus em Vitória da Conquista

teste

A Secretaria Municipal de Saúde investiga o quinto falecimento de uma pessoa indicada com suspeita para Coronavírus, ocorrida na noite da última terça-feira (5). A amostra para exame foi coletada pós-morte e encaminhada para análise do Lacen, em Salvador. A Secretaria de Saúde aguarda a divulgação do resultado.

:: LEIA MAIS »

Pagamento da segunda parcela dos R$ 600 depende da aprovação do calendário

Tribuna da Bahia, Salvador

5eb355f79e469_Pedro-Guimaraes-presidente caixa

O Ministério da Economia já aprovou o calendário de pagamentos da segunda parcela do benefício emergencial de R$ 600. Agora, falta apenas o Ministério da Cidadania aprovar as novas datas de pagamento para que o cronograma seja enviado para aprovação do presidente Jair Bolsonaro e comece a ser executado.

O andamento do calendário para a segunda parcela dos R$ 600, que é aguardado há mais de uma semana pelos mais de 50 milhões de brasileiros que receberam a primeira parcela do benefício emergencial, foi apresentado, nessa terça-feira (5/5), pelo presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães.

“Estamos muito próximos de finalizar. Depois que eu e o ministro (da Cidadania) Onyx (Lorenzoni) fecharmos um cronograma, levaremos ao presidente Jair Bolsonaro, que é quem organiza. O ministro (da Economia) Paulo Guedes já deu o OK”, afirmou Guimarães, garantindo que essas datas devem ser anunciadas nas próximas horas.

Questionado sobre essas datas de pagamento, em live realizada nessa terça, o presidente da Caixa disse que não anteciparia detalhes dos acertos, que têm ocorrido, segundo ele, via intensas conversas há pelo menos três dias. Ele adiantou, contudo, que haverá mudanças em relação ao primeiro pagamento.

A primeira parcela do benefício emergencial começou há quase um mês, mas ainda não foi concluída porque a Dataprev ainda está analisando os dados cadastrais de milhões de brasileiros que pediram os R$ 600 pelo aplicativo da Caixa e porque o calendário dos saques em espécie só chegou à etapa final, nessa terça, com a liberação para retirada dos nascidos em novembro e dezembro. Ele acredita que o problema dos cadastros será resolvido automaticamente no pagamento da segunda parcela, visto que o governo terá os dados dos beneficiários com direito ao auxílio. Mas Guimarães defende mudanças em relação ao saque presencial. Os saques presenciais dos R$ 600 começaram na semana passada, provocando filas enormes nas agências. A Caixa admite que parte dessa aglomeração foi causada por problemas operacionais e pela necessidade das pessoas.

Problemas que, segundo o banco, estarão resolvidos na segunda parcela, seja por melhorias no aplicativo Caixa Tem ou porque o beneficiário saberá como funciona os mecanismos de acesso ao benefício emergencial.

“Esse próximo calendário terá mudanças em relação ao atual e são mudanças fáceis de serem atendidas”, reiterou Guimarães. O Ministério da Cidadania garantiu, na segunda-feira, que os dias de pagamento da segunda parcela do benefício emergencial serão anunciados em breve. Inicialmente, o governo informou que a segunda parcela do benefício emergencial seria paga a partir de 27 de abril, mas vem adiando desde então.

Caixa diz que conseguiu reduzir filas nas agências

Por Kelly Oliveira | Agência Brasil

 
caixa A caixa divulgou nesta quarta-feira, 6, nota em que informa sobre uma “redução considerável das filas nas agências em todo o país”. Em muitos casos, diz o banco, unidades que antes tinham aglomeração de pessoas em busca do saque do auxílio emergencial tiveram suas filas zeradas antes da abertura das portas, às 8h.

O banco reforça que não é preciso madrugar nas filas. Todas as pessoas que chegarem às agências durante o horário de funcionamento, de 8h às 14h, serão atendidas, garante a Caixa. Mesmo com as unidades fechando às 14h, o atendimento continua até o último cliente do dia.

Entre as medidas para reduzir filas, a Caixa informa que fez parcerias com prefeituras de cerca de 500 cidades, que contribuíram para a sinalização e organização das filas e instalação de impressoras para facilitar a triagem fora da agência.

Na nota, a Caixa diz ainda que está reforçando o atendimento nas agências com mais 3 mil funcionários, além de alocar 4.800 vigilantes e quase 900 recepcionistas para organizar as filas e orientar o público.

Cinco caminhões-agência itinerantes também estão atendendo em locais com maior necessidade, conforme cronograma: Alfredo Chaves, no Espírito Santo, até o póximo dia 8/0; Nova Xavantina, em Mato Grosso, de quinta, 7, até o dia 16; São Felix do Xingu, no Pará, de quinta até o dia 15; Buriticupu, no Maranhão, de 12 a 15 deste mês; e Viseu, no Pará, de 14 a 29.

Balanço

Desde o dia 9 de abril, quando teve início o pagamento do auxílio emergencial de R$ 600, 50 milhões de brasileiros receberam o crédito do benefício. Ao todo, mais de R$ 35 bilhões já foram creditados.

Até as 9h desta quarta, 51,1 milhões de cidadãos se cadastraram para solicitar o benefício. O site auxilio.caixa.gov.br superou a marca de 696 milhões de visitas, e a central exclusiva 111 registra mais de 130 milhões de ligações.

O aplicativo Auxílio Emergencial Caixa conta com 76,9 milhões de downloads, e o aplicativo Caixa Tem, para movimentação da poupança digital, ultrapassa 82 milhões de downloads.

Outras informações podem ser obtidas pelo site, pela central de atendimento da Caixa 111 ou pela Central de Atendimento do Ministério da Cidadania 121.

A Tarde

Bahia tem 160 mortes por coronavírus e 4.301 casos confirmados

coronavacina

A Bahia registrou mais nove mortes em decorrência do novo coronavírus. Os novos dados fazem com que o estado atinja a marca de 160 vítimas desde o início da pandemia. As informações foram divulgados na tarde desta quarta-feira, 6, no novo boletim epidemiológico da Secretaria de Saúde do Estado (Sesab).

Com os novos óbitos, a taxa de letalidade da doença subiu para 3,72% de todos os diagnósticos positivos. Até o momento, o território baiano já contabiliza 4.301 casos confirmados do vírus Covid-19. O número representa 23,08% do total de casos notificados no estado.

Ao todo, já houve 18.638 suspeitas da doença notificadas pela secretaria. Desse total, 10.712 casos descartados, 918 pessoas já se curaram e 3.223 pacientes permanecem em monitoramento.

De acordo com a Sesab, 424 dos 752 leitos disponíveis do Sistema único de Saúde (SUS) exclusivos para coronavírus já possuem pacientes internados, o que representa uma taxa de ocupação de 56%. Quanto aos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulto e pediátrico, dos 349 leitos exclusivos para o coronavírus, 223 possuem pacientes internados, uma taxa de ocupação de 64%.

Novos óbitos

152º óbito: mulher, 53 anos, com histórico de imunossupressão, residente em Coaraci. Estava internada em hospital filantrópico de Itabuna. Deu entrada dia 18/04, vindo a óbito no dia 01/05.

153º óbito: mulher, 71 anos, residente em Salvador, com histórico de diabetes e hipertensão arterial. Estava internado em hospital público da capital. Deu entrada dia 12/04, vindo a óbito no dia 04/05.

154º óbito: homem, 41 anos, residente em Gandu, com histórico de insuficiência renal aguda, doença hepática crônica. Estava internado em hospital público de Ilhéus, desde o dia 15/04 e veio a óbito dia 01/05.

155º óbito: mulher, 70 anos, residente em Ilhéus, com histórico de doença cardiovascular, diabetes e pneumonia crônica. Deu entrada no dia 28/04 e faleceu em 29/04.

156º óbito: homem, 80 anos, residente em Ilhéus, com doença cardiovascular crônica. Internado em um hospital público de Ilhéus no dia 18/04 e veio a óbito em 19/04.

157º óbito: homem, 52 anos, residente em Ilhéus, com histórico de cardiopatia. Foi internado em um hospital público de Ilhéus no dia 15/04 e faleceu em 29/04.

158º óbito: mulher, 42 anos, residente em Ilhéus, com histórico de hepatopatia crônica. Foi internada em um hospital público de Ilhéus, no dia 14/04 e veio a óbito em 25/04.

159º óbito: homem, 65 anos, residente em Ilhéus, sem comorbidades. Internado em um hospital público de Ilhéus no dia 29/04 e veio a óbito em 30/04.

160º óbito: homem, 65 anos, residente em Ilhéus, com histórico de cardiopatia e pneumonia crônica. Foi internado em um hospital público de Ilhéus no dia 04/04 e veio a óbito em 05/04.

A Tarde

Com maior taxa de incidência da Bahia, Ipiaú pode sofrer lockdown, afirma Rui Costa

ruii

O governador Rui Costa afirmou nesta quinta-feira, 7, que a cidade de Ipiaú, a cerca de 351 km de Salvador, pode sofrer lockdown (bloqueio total) nos próximos dias por causa do rápido aumento de casos de coronavírus na cidade.

De acordo com ele, Ipiaú é, atualmente, um dos municípios do interior que mais preocupa o governo estadual em função da velocidade no crescimento de contaminados, assim como Ilhéus e Itabuna, no sul do estado. A capital baiana terá um bloqueio “setorizado” de bairros, com medidas restritivas diferentes para cada região, segundo o prefeito ACM Neto.

Com 91 casos confirmados, segundo o último boletim da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), Ipiaú tem a maior taxa de incidência do estado. O coeficiente, que calcula a quantidade de contaminações atestadas por um milhão de habitantes, é de 1.983,74. Duas mortes pela doença foram confirmadas na cidade.

“Há um crescimento muito acelerado. É uma cidade que podemos tomar uma medida mais rígida de fechamento”, confirmou o governador, em entrevista a rádios do sudoeste baiano.

Em Ipiaú, o principal foco da doença foram profissionais que trabalham na área da saúde. Além disso, um abrigo de idosos concentra 40 casos da pandemia. O Ministério Público da Bahia (MP-BA) instaurou procedimento para investigar a causa da contaminação na Fundação Casa Lar Dona Geraldina.

A Tarde

checkup day

mg personal

muay thai


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia