WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
flash day

sindy mega radio

iris calcados
julho 2020
D S T Q Q S S
« jun   ago »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

:: 1/jul/2020 . 18:15

Campanha de Vacinação contra a Gripe Influenza é prorrogada até o dia 24 de julho

Foi prorrogada até o próximo dia 24 de julho, a Campanha de Vacinação contra a gripe Influenza. Com a prorrogação, o Ministério da Saúde pretende imunizar, pelo menos, 90% da população incluída nos grupos prioritários em todo o país. Em Vitória da Conquista, 89% das pessoas pertencentes ao público-alvo da Campanha foram imunizadas até o momento.

A Campanha segue exclusivamente para as pessoas dos grupos prioritários – crianças menores de 5 anos, gestantes, profissionais da saúde, idosos e mulheres que tiveram filhos há menos de 45 dias – até o dia 10 de julho.

A partir do dia 13 de julho, trabalhadores dos serviços essenciais e aqueles profissionais que atuam em serviços que permaneceram ativos durante todo o período de pandemia, a exemplo de casas lotéricas e supermercados também poderão se vacinar.  E, após o dia 20 de julho, as doses remanescentes nas unidades de saúde da zona urbana e rural estarão disponíveis para a população em geral.

Fonte: Blog da Resenha Geral

Conquista: Prefeitura realiza testes para Covid-19 em serviços que atendem a população em situação de rua

Os trabalhadores e usuários dos serviços e unidades, que atendem a população em situação de rua em Vitória da Conquista, fizeram o teste rápido para Covid-19, entre os dias 23 de junho e 30 de junho. A ação foi realizada pela Secretaria de Saúde em articulação com a Secretaria de Desenvolvimento Social.

Ao todo, 128 testes foram realizados nos Abrigos Provisórios I, II e III, no Centro Pop Adulto, Centro Pop Criança e Adolescente, no Serviço de Abordagem Social e Consultório na rua. O farmacêutico do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (Nasf), Marcos Dourado, explica que o teste rápido identifica os anticorpos ativos ou que tiveram contato com o vírus, seu resultado sai em 15 minutos, com laudo liberado logo após o resultado. “Este teste tem um bom resultado porque permite o isolamento das pessoas que estão contaminadas e não estão apresentando sintomas e permite que a vigilância monitore a circulação do vírus e tome as medidas para evitar a sua proliferação”, explicou Marcos.

Dos 128 testes, 123 foram negativos e 05 positivos. Destes positivos 03 são usuários e 02 são servidores. Os servidores foram orientados pela Vigilância da Secretaria de Saúde a ficarem em isolamento em suas residências e procurarem o serviço de saúde caso apresentem alguma piora nos sintomas. Já os usuários do serviços, foram encaminhados para o abrigo provisório 3, preparado para receber pacientes sintomáticos, onde há quartos individuais para o devido isolamento.

“Essa ação foi fundamental para a garantia de proteção à saúde dos trabalhadores e usuários e uma forma de garantirmos as condições ideais para o atendimento prioritário deste importante público”, ressaltou o secretário de Desenvolvimento Social, Michael Farias. :: LEIA MAIS »

Conta de luz dos baianos terá aumento agora em julho

conta-luz

A partir desse mês de julho, que começa nesta quarta-feira 1º, os baianos terão mais uma coisa a lamentar, além da pandemia do Covid 19. É que começa a vigorar, por determinação da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), um reajuste tarifário de 5,00% nas contas de energia em todo estado. Esse aumento era para ser iniciado no dia 22 de abril passado. Entretanto, em função do gravíssimo cenário de calamidade pública causado pela disseminação do coronavírus, a Companhia de Energia Eletrica da Bahia (Coelba) solicitou e a Agência reguladora aprovou, que a aplicação das novas tarifas se iniciasse justamente agora.

A empresa do grupo Neoenergia avisa que os clientes somente começarão a perceber uma variação proporcional das tarifas agora em julho, considerando a data da entrada em vigência das mesmas e a emissão das faturas. “Mas, o efeito integral do reajuste, realizado pela Aneel, será atingido apenas no decorrer do próximo mês de agosto, quando todo o período de leitura contemplar as datas pós reajuste”.

A atitude da Coelba deu-se tendo como lastro a política de responsabilidade social da companhia. “Para a baixa tensão, que inclui os clientes residenciais, o efeito médio será de 4,85%. A variação maior será percebida pelos clientes atendidos em alta tensão, como as indústrias e o comércio de médio e grande porte, será de 5,38%”, informa.

SEM CORTES

Por sua vez, a Aneel decidiu prorrogar até 31 de julho a proibição de cortes no fornecimento de energia elétrica por falta de pagamento dos consumidores. A suspensão foi aprovada em março passado e valeria, inicialmente, até o último dia 23. A medida foi adotada em razão da crise na economia provocada pela pandemia do novo coronavírus. Estão protegidas contra o corte do fornecimento todas as residências urbanas e rurais e os serviços considerados essenciais, como hospitais.

Essa proposta da Aneel passará por consulta, e prevê a proibição de corte de energia até o dia 31 de dezembro para famílias de baixa renda; consumidores que estão em locais onde houve suspensão do envio de fatura impressa pela distribuidora; consumidores que estão em locais onde não há posto de arrecadação, como lotéricas e instituições financeiras; e consumidores que têm equipamentos essenciais à vida.

Fonte: Tribuna da Bahia

Governo prorroga restrição para entrada de estrangeiros no Brasil

corotewindowsss

A restrição para entrada de estrangeiros no Brasil foi prorrogada por mais 30 dias, seguindo recomendações de combate ao novo coronavírus (covid-19), feitas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A portaria que estende o prazo foi publicada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJ) no Diário Oficial da União de hoje (1º).

 A restrição prevista pela portaria abrange estrangeiros de qualquer nacionalidade por meios terrestres, aéreos ou aquaviários. Há algumas exceções, no caso de estrangeiros que venham realizar atividades artísticas, desportivas ou negócios, desde que em viagens de curta duração e sem a intenção de estabelecer residência no país.
 Também é autorizada a entrada via aérea de estrangeiros com visto temporário que venham morar no país por tempo indeterminado, mas tendo por finalidade as áreas de pesquisa, ensino ou extensão acadêmica, estudo, trabalho, realização de investimento, reunião familiar ou atividades artísticas ou desportivas com contrato por prazo determinado.

Essa entrada, no entanto, deverá ser feita pelos aeroportos internacionais de São Paulo (Guarulhos), do Rio de Janeiro (Galeão), de Campinas (Viracopos) e Juscelino Kubitschek (Brasília).

 Para ingressar no país, o estrangeiro terá de apresentar, antes do embarque, declaração médica emitida por autoridade sanitária ou médico local, atestando que não está infectado pelo covid-19.
Fonte: iBahia

Guedes confirma que novas parcelas do auxílio emergencial serão divididas em 4 etapas

GUEDES

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse à CNN nesta quarta-feira (1º) que o governo vai pagar mais duas parcelas do auxílio emergencial de R$ 600 em quatro etapas.

De acordo com Guedes, a ideia é estender o benefício ao longo de três meses para preparar os beneficiários para o Renda Brasil, novo programa social que o governo prepara em substituição ao Bolsa Família.

Segundo Guedes, em julho, o governo pagará R$ 500 no início do mês e R$ 100 no final do mês. Logo no primeiro dia de agosto, os beneficiários receberão R$ 300 e os outros R$ 300 no fim do mês.

“Com R$ 500 no início do primeiro mês, você viveu um mês. Com R$ 100 no último dia e R$ 300 no primeiro dia, você viveu o segundo mês com R$ 400”, explicou o ministro.

Os detalhes do cronograma de pagamentos das novas parcelas do auxílio emergencial devem ser apresentados “em breve” pela Caixa Econômica Federal. Na prática, o fracionamento proposto pelo governo se assemelha à sugestão do presidente Bolsonaro de prorrogar o auxílio em três parcelas decrescentes de R$ 500, R$ 400 e R$ 300.

Fonte: Bahia Notícias

Vendas de livros sobem 31% e apontam para recuperação após pandemia

livros

As vendas de livros aumentaram no Brasil, segundo mostra a última pesquisa da Nielsen em parceria com o Sindicato Nacional dos Editores de Livros, o que pode apontar para um movimento de recuperação do mercado editorial após o vale da pandemia.

O valor acumulado das vendas, porém, ainda é menor que o registrado no período correspondente de 2019.

A pesquisa mostra que, no período de 18 de maio a 14 de junho, o setor livreiro teve faturamento de R$ 109 milhões, um crescimento de 31% em relação ao mês anterior. Comparado com o mesmo mês do ano passado, houve uma queda de 3,16% no valor total das vendas.

Quando se observa o número de títulos vendidos, o movimento foi parecido, aumentando 32% em relação ao mês anterior, mas ainda representando uma queda de 5% comparado com o ano passado. Foram vendidos 2,7 milhões de livros no período da pesquisa.

Segundo o estudo, a evolução do setor é visível e representa uma potencial reversão na curva de queda por causa do coronavírus. O presidente do SNEL, Marcos da Veiga Pereira, nota entretanto que será importante observar a reabertura das lojas físicas e a volta dos novos lançamentos, que são fundamentais para a saúde do setor como um todo.

Em abril, o primeiro momento de auge da quarentena fez com que o faturamento com livros caísse quase pela metade. Mas o valor vem se reerguendo mensalmente desde então.

A pesquisa Produção e Vendas do Setor Livreiro, divulgada neste mês pela Câmara Brasileira do Livro e o Sindicato Nacional dos Editores, mostra que o fechamento das livrarias físicas, desde março, interrompeu uma trajetória ascendente do setor.

Em 2019, o faturamento total subiu 6% em relação ao ano anterior, somando vendas para o governo e para o mercado -o que mostra que os livros conseguiram dar um jeito de driblar a crise que levou as grandes redes Saraiva e Cultura a entrar em recuperação judicial.

Fonte: Bahia Notícias

checkup day

mg personal


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia