WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
afrojapa

radio up

iris calcados
janeiro 2021
D S T Q Q S S
« dez   fev »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

:: 21/jan/2021 . 10:04

Boletim Covid: 356 pacientes ainda se recuperam da doença em Vitória da Conquista

De acordo com o Boletim epidemiológico, até esta quarta-feira (20), foram registrados 16.565 casos de pessoas infectadas pela Covid-19 em Conquista, com 15.958 delas já recuperadas da doença. Outras 356 ainda estão sintomáticas e seguem em recuperação – 53 deles estão internados em Vitória da Conquista, quatro estão internados em outros municípios e 299 em tratamento domiciliar.

3.925 casos notificados por suspeita de infecção pela Covid-19 aguardam por classificação final. Desse total, 3.878 esperam pela investigação laboratorial e 47 pelo resultado do exame RT-PCR das amostras encaminhadas para análise no Lacen Estadual.

Hoje foram confirmados, pela Secretaria Municipal de Saúde, os falecimentos de três pacientes que estavam internados e tiveram complicações causadas pela Covid.

…Leia na íntegra

Blog da Resenha Geral

Brasil tem maior número de mortes por Covid desde 4 de agosto

por Folhapress

Brasil tem maior número de mortes por Covid desde 4 de agosto

O Brasil registrou 1.382 mortes por Covid-19, nesta quarta-feira (20). É o maior número de óbitos desde 4 de agosto, quando foram registradas 1.394 mortes. Com isso, o país chega a 212.893 vítimas do Sars-CoV-2.

Além disso, foram registrados 64.126 casos da doença, elevando o de pessoas infectadas desde o início da pandemia para 8.639.868.

Os dados do país são fruto de colaboração inédita entre Folha de S.Paulo, UOL, O Estado de S. Paulo, Extra, O Globo e G1 para reunir e divulgar os números relativos à pandemia do novo coronavírus. As informações são coletadas diretamente com as Secretarias de Saúde estaduais.

O jornal Folha de S.Paulo também divulga a chamada média móvel. O recurso estatístico busca dar uma visão melhor da evolução da doença, pois atenua números isolados que fujam do padrão. A média móvel é calculada somando o resultado dos últimos sete dias, dividindo por sete.

De acordo com os dados coletados até as 20h, a média de mortes nos últimos sete dias é de 983. O valor da média representa um aumento de 35% em relação ao dado de 14 dias atrás.

A iniciativa do consórcio de veículos de imprensa ocorre em resposta às atitudes do governo Jair Bolsonaro (sem partido), que ameaçou sonegar dados, atrasou boletins sobre a doença e tirou informações do ar, com a interrupção da divulgação dos totais de casos e mortes. Além disso, o governo divulgou dados conflitantes.

Mais de 19 mil baianos já tomaram a primeira dose da vacina contra Covid-19

Mais de 19 mil baianos já tomaram a primeira dose da vacina contra Covid-19

Foto: Mateus Pereira/GOVBA

Na Bahia, a primeira dose da vacina contra a Covid-19 já foi aplicada em 19.166 pessoas até o fim do dia desta quarta-feira (20), conforme balanço da Secretaria da Saúde do estado (Sesab).

O estado recebeu o primeiro lote com 376,6 mil doses na sgunda-feira (18) à noite, e na terça-feira (19) deu início a vacinação (leia aqui).

Os mais de 19 mil vacinados informados pela Sesab correspondem aos dados enviados por 306 municípios até às 14h desta quarta-feira (20). Deste total de imunizados, 17.649 são profissionais de saúde que estão atuando na linha de frente no combate à doença. Outras 1.291 doses foram aplicadas em idosos institucionalizados, 28 em indígenas aldeados e 198 em pessoas com deficiência. Estes dados correspondem as primeiras doses aplicadas.

Salvador é a cidade que aplicou um maior número de doses. A prefeitura fechou o dia com 5.319 pessoas vacinadas.

No interior o destaque de cidade que mais vacina vai para Santo Antônio de Jesus, que segundo a Sesab imunizou mil pessoas.

Bahia Notícias

Vitória da Conquista: Juiz autoriza paciente a plantar maconha para tratar fibromialgia

Vitória da Conquista: Juiz autoriza paciente a plantar maconha para tratar fibromialgia

Foto: Divulgação

A Justiça Federal em Vitória da Conquista, no sudeste baiano, autorizou um paciente a plantar cannabis sativa para fins medicinais. O paciente ingressou com um habeas corpus pedindo que as autoridades não o investigassem ou repreendessem pelo plantio da erva, e que não apreendessem ou destruíssem as sementes e plantas.

 No pedido, o paciente apresentou uma orientação médica para uso da planta por ser portador de fibromialgia, já que os tratamentos convencionais não surtiram os efeitos desejados. Por isso, foi prescrito o canabidiol. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou o paciente a importar o canabidiol. Mas, por não ter condições financeiras para custear o medicamento pronto, solicitou à Justiça a concessão de do salvo-conduto para importar e cultivas a sementes da cannabis sativa, e assim, extrair o óleo para tratamento da doença.

 Em sua decisão, o juiz Diego Carmo, da 2ª Vara de Vitória da Conquista, ressaltou que o habeas corpus preventivo não diz respeito ao cultivo ou utilização de cannabis para fins recreativos ou com o objetivo imediato de obtenção de lucro por meio de sua negociação econômica com terceiros, mas à busca, pelo paciente, pessoa com problemas crônicos de saúde, de acesso, de modo artesanal, sem o risco de ser preso, a tratamento médico para o seu grave problema de saúde, diante da impossibilidade econômica de adquirir diretamente o produto, de elevado custo, para o necessário uso contínuo.

 O juiz federal também ressaltou que diversos estudos vêm comprovando cientificamente a eficácia superior de extratos da cannabis sativa, a exemplo do Canabidiol (CBD), além da sua segurança, como terapia para inúmeros e graves problemas de saúde, e constatou que a União tem demorado em regulamentar esse cultivo e utilização para fins exclusivamente médicos. O embasamento seria, dentre outros fatores, a Lei 11.343/2006, que estabelece, no parágrafo único do seu art. 2º, que pode a União autorizar o plantio, a cultura e a colheita de vegetais dos quais possam ser extraídas ou produzidas drogas, como é o caso da cannabis Sativa, para fins medicinais ou científicos. Deve-se ressaltar que a decisão não autoriza o paciente a vender ou ceder a planta cannabis, sementes ou derivados para consumo ou comercialização por terceiros.

Bahia Notícias

Incêndio atinge laboratório na Índia que fabrica vacinas contra covid-19

india

Um incêndio atingiu o Terminal do “Serum Institute of India” na cidade de Pune. O laboratório é considerado o maior fabricante de vacinas do mundo e é responsável pela fabricação da Covishield, desenvolvida pela AstraZeneca e pela Universidade de Oxford, que podem ser exportadas ao Brasil.

Segundo o site The Times Of India, as chamas atingiram um prédio em construção. Com isso, as doses das vacinas, tal qual sua produção, não foram afetadas.

Tribuna da Bahia

Após testes em baianos, Pfizer não quer vender vacina para o estado, diz secretário

Em 2020 empresa começou a negociar venda, mas agora mudou de ideia

pfizer

O secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, usou seu Twitter para reclamar publicamente da fabricante de vacinas contra covid-19 Pfizer. Segundo ele, a empresa está se recusando a vender o imunizante ao estado.

 Fábio lembrou que a vacina foi testada em 1.500 voluntários baianos e que havia conversas, em 2020, para a Bahia comprar doses.

“A Pfizer usou a boa fé de 1.500 voluntários baianos e agora recusa-se a vender a vacina para a Bahia. Em 2020 reuniram-se oficialmente com o governador Rui Costa para vender a vacina e a partir dali no preparamos. Apoiamos o centro de pesquisas da OSID (Irmã Dulce), investimos na montagem de uma rede de ultracongeladores e, agora, nos informam que venderam tudo pra outros países”, relata.

Na cobrança o secretário também tuitou mensagens e inglês, sempre marcando o perfil oficial da empresa e mencionando Carlos Murillo, presidente da Pfizer Brasil.

 Voluntários no escuro
Nesta quarta-feira (20), o CORREIO publicou uma matéria mostrando que os baianos participantes dos estudos envolvendo as vacinas da Oxford e Pfizer ainda estão sem saber se foram imunizados ou não. A dúvida acontece porque apenas metade dos voluntários receberam a vacina, enquanto outra parte recebeu um placebo.

Quando os laboratórios começaram a recrutar pessoas para testar seus imunizantes em desenvolvimento, uma das promessas é que os voluntários que receberam placebo seriam vacinados tão logo a substância em questão estivesse liberada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A Pfizer ainda não foi aprovada no Brasil, mas muitos voluntários não sabem se podem – ou devem – tomar a Coronavac.

Já nesta quinta-feira, a Pfizer anunciou que todos os brasileiros que participaram do estudo serão vacinados ainda neste mês. Os baianos precisam buscar a Osid para receberem o imunizante.

 

Bahia registra 4.991 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 943.352 casos descartados e 136.001 em investigação.

Tribuna da Bahia, Salvador
20/01/2021 18:49 | Atualizado há 14 horas e 25 minutos

corona virus

De acordo com o boletim epidemiológico divulgado no final da tarde desta quarta-feira (20), pela Secretaria Estadual da Saúde (Sesab), a Bahia registrou, nas últimas 24h,  mais 4.991 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,9%). O boletim traz ainda 31 mortes que ocorreram em diferentes datas. Com isso, o número total de mortos no estado, desde o início da pandemia, chega a 9.728.

Os casos confirmados ocorreram em 417 municípios baianos, com maior proporção em Salvador (22,24%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram: Ibirataia (10.756,27), Itororó (8.944,17), Muniz Ferreira (8.879,01), Conceição do Coité (8.663,60) e Itabuna (8.552,08).

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 943.352 casos descartados e 136.001 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas desta quarta-feira (20).

Na Bahia, 38.809 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19.

Tribuna da Bahia

 

Lewandowski dá 72 horas para Anvisa se manifestar sobre estágio de pedido para a Sputnik V

Rodrigo Aguiar

juiz

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), deu um prazo de 72 horas para que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) se manifeste sobre o estágio do pedido de uso emergencial da Sputnik V, vacina russa contra a Covid-19.

:: LEIA MAIS »

Empresário Luciano Hang, dono da Havan, tem alta hospitalar após internação por Covid-19

luciano

O empresário Luciano Hang, de 58 anos, dono da Havan, teve alta do Hospital Sancta Maggiore, em São Paulo, na noite desta quarta-feira, 20. O anúncio da alta hospitalar foi feito pelo próprio empresário por meio das redes sociais. Na terça-feira, 19, ele foi internado após contrair a Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.

Em um trecho da publicação, ele agradeceu às mensagens de carinho e disse que sua mãe, Regina Modesti Hang, de 82 anos, continua internada.

O empresário Luciano Hang ficou mais conhecido nos últimos anos por ser um defensor do governo Bolsonaro e da extrema direita. Recentemente, ele divulgou em suas redes sociais uma cartilha em que defende o tratamento precoce contra a Covid-19, que inclui o uso de ivermectina, hidroxicloroquina e azitromicina. Entretanto, o tratamento não tem comprovação científica.

A Tarde

checkup day

mari marinho

mg personal

muay thai


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia