WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
flash day

sindy mega radio

iris calcados
setembro 2020
D S T Q Q S S
« ago    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  

:: ‘_destaque3’

Quase 3 milhões de beneficiários do Bolsa Família deixam de receber auxílio emergencial

A Tarde

auxilio-1

Cerca de 3 milhões de beneficiados do programa Bolsa Família devem deixar de receber o auxílio emergencial de R$ 300, liberados até dezembro, em decorrência da pandemia do coronavírus. Segundo o calendário de pagamento, divulgado nesta quinta-feira, 17, pela Caixa Econômica Federal, o auxílio deverá cair na conta de 16,3 milhões de brasileiros.

De acordo com a Folha de S. Paulo, quando o pagamento do auxílio era de R$ 600, podendo chegar a R$ 1.200 para mães chefe de família, em torno de 19,2 milhões de brasileiros que faziam parte do programa receberam a renda, número que corresponde a 95% dos beneficiários do Bolsa Família.

Com o corte, o governo federal deverá economizar um valor em torno de R$ 11 bilhões. Ainda conforme a Folha, o motivo é que, além de diminuir pela metade o valor do auxílio, de R$ 600 para R$ 300, ou de R$ 1.200 para R$ 600, no caso das mães chefes de família, quem volta a receber somente a renda do programa tem direito a um valor médio de R$ 164,13.

Por meio de nota, o Ministério da Cidadania afirmou que “no mês de agosto, o Bolsa Família beneficiou a 14,28 milhões de famílias. No mês de setembro, o programa chega a mais de 14,27 milhões de famílias, mas não detalhou os motivos dos cortes. É preciso lembrar que as 14 milhões de família são a totalidade do programa. Desse total, 95% recebiam auxílio emergencial”.

Líder evangélico é condenado após estuprar menina de 13 anos

A Tarde

criança

O bispo evangélico João Batista dos Santos foi condenado pelo juiz da Vara Criminal do Recanto das Emas, no Distrito Federal (DF), pelo estupro de uma menina de 13 anos. A pena de 20 anos e 6 meses de reclusão levou em consideração a autoridade que ele exercia sobre a vítima e o reconhecimento da ocorrência continuada do crime – pelo menos três vezes – de acordo com o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT).

Ele está preso preventivamente desde fevereiro. Além disso, já foi condenado duas vezes pelo crime de violação sexual mediante fraude, mas recorreu em ambos e respondia aos processos em liberdade.

Nos autos do processo em que o bispo foi condenado por estupro de vulnerável, evidencia-se que João Batista conheceu a vítima em 2017, sendo que a menina teria conversado com o líder religioso sobre sua orientação sexual.

Antes dos abusos, o bispo falava que amava a menina e que iria casar com ela, Após a garota comentar que era lésbica, ele propôs passar um óleo para ungir se corpo, que segundo ele era uma forma de “cura gay”.

A vítima com constantes crises de ansiedade, decidiu relatar os fatos ocorridos. Para a Promotoria é “evidente” que o modus operando utilizado pelo bispo não é inédito, configurando um “padrão de ataque”.

Segundo a sentença, ele utilizava o óleo para tocar no corpo das mulheres, sobretudo, nas partes íntimas, alegando ser a “cura”.

Sony vai fechar fábrica e interromper vendas de TVs e câmeras no Brasil

A Tarde

sony

A Sony comunicou a varejistas na segunda-feira, 14, que fechará sua fábrica no Brasil em 2021. A unidade é localizada em Manaus e a partir de março de 2021 as atividades serão encerradas.

:: LEIA MAIS »

Caixa paga abono salarial para nascidos em setembro

Agência Brasil

caixa12

A Caixa Econômica Federal inicia nesta terça-feira, 15, o pagamento do abono salarial para os trabalhadores nascidos em setembro que ainda não receberam por meio de crédito em conta. Para trabalhadores da iniciativa privada, os valores podem ser sacados com o Cartão do Cidadão e senha nos terminais de autoatendimento, unidades lotéricas e nos correspondentes Caixa Aqui, além das agências.

:: LEIA MAIS »

Governo avalia congelar aposentadorias para bancar Renda Brasil

Tribuna da Bahia, Salvador

14/09/2020 06:30

ministro

A área econômica do governo Jair Bolsonaro apoia que benefícios previdenciários, como aposentadorias e pensões, sejam desvinculados do reajuste do salário mínimo e congelados nos próximos dois anos, disse o secretário Especial de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues.

:: LEIA MAIS »

Saque de novas parcelas do auxílio é liberado para 7,6 milhões neste sábado

auxilio-1

A Caixa Econômica libera neste sábado, 12, saques e transferências de novas parcelas do Auxílio Emergencial, para 7,6 milhões de beneficiários do programa nascidos em outubro e novembro.

Estão nesse grupo todos os trabalhadores do Cadastro Único fora do Bolsa Família e os inscritos por meio do site ou aplicativo do programa aprovados até o sexto lote.

Os trabalhadores do sétimo lote, e aqueles que foram aprovados em lotes anteriores mas tiveram os pagamentos reavaliados em agosto, terão saques liberados mais tarde.

Os trabalhadores podem consultar a situação do benefício pelo aplicativo do auxílio emergencial ou pelo site

Fonte: A Tarde

Estudante brasileira morre em queda no poço de elevador em Buenos Aires

Da Redação

redacao@correio24horas.com.br

jovem

A estudante brasileira Ana Karolina Lara Ferreira Fernandez, 22 anos, morreu depois de cair no poço de um elevador em Buenos Aires, na Argentina, na noite da sexta-feira (4).

 Segundo o Uol, Ana Karolina estava visitando amigos em um prédio quando aconteceu o acidente. Ela morava na Argentina para estudar Medicina.

Mãe de Ana Karolina, a empresária Silvana Lara Ferreira conta que a filha estava celebrando o resultado bom de uma prova da faculdade. Na hora de ir embora da casa dos amigos, ela chamou o elevador para descer, mas não notou que o equipamento não estava parado no andar. A queda foi do 13º andar.

“Ela estava feliz porque havia acertado todas as questões da prova de patologia e foi comemorar com os amigos. Foi uma fatalidade. Não há sentimento que explique o que estamos vivendo. Tem momento que parece que é mentira. É uma dor terrível”, lamenta a mãe.

 Com a morte da jovem, a família criou uma campanha nas redes sociais para arrecadar dinheiro e trazer o corpo da estudante de volta para o Brasil. O sepultamento será no Chapadão do Céu, em Goiás, cidade onde moram os parentes. O valor de meta era cerca de R$ 25 mil, já que o translado de Buenos Aires para Guarulhos é de 5 mil dólares. Em menos de 12 horas, o valor foi atingido.

Mesmo com o dinheiro, a buracrocia para liberação do corpo não permite ainda prever uma data para o enterro. A documentação já foi enviada, mas Silvana diz que são muitos detalhes para resolver e com a pandemia tudo está mais lento. “Meu cunhado foi para São Paulo e com a ajuda do consulado e do Itamaraty estamos tentando agilizar”, diz.

A jovem, nascida em São Paulo, se mudou ainda criança para a cidade no interior de Goiás. Segundo a mãe, ela sempre sonhou em ser médica e foi há quatro anos para a Argentina por conta disso.

“Aqui no Brasil uma faculdade de medicina é muito cara, então ela fez o processo seletivo lá e foi aprovada em uma universidade pública. Ela queria se especializar e depois voltar para o Brasil ou seguir carreira em Portugal, já que o avô dela é de lá”, conta.

Arroz tem aumento de 100% e setor diz que preço deve continuar em alta

arroz

O arroz disparou nos supermercados brasileiros, sobretudo nas últimas semanas. Um pacote de cinco quilos, normalmente vendido a cerca de R$ 15, chega a custar R$ 40 na gôndola. Um levantamento feito pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Universidade de São Paulo (USP), mostrou que a alta do arroz chega a 100% em 12 meses.

Produtores e especialistas dizem que os preços devem continuar subindo nos próximos meses. O principal motivo da alta de preços do arroz é a desvalorização do real em relação ao dólar, que atualemente está custando R$ 5,37. Isso faz com que muitos produtores prefiram exportar, ganhando em dólar, a vender arroz no mercado interno. As informações são do portal UOL.

As exportações de arroz beneficiado saltaram 260% entre março e julho deste ano, para 300 mil toneladas. Para piorar, também houve redução de 59% nas importações do produto no período, para 48,3 mil toneladas.

Na última semana, Jair Bolsonaro chegou a pedir ‘patriotismo’ a donos de supermercados para tentar reduzir preço da cesta básica. O presidente afirmou que o aumento nos preços se deu porque a população recebeu o dinheiro do auxílio emergencial. “O pessoal começou a gastar um pouco mais, muito papel na praça, a inflação vem”.

Fonte: A Tarde

Bahia tem 1.048 novos casos de Covid-19 e nº total chega a 271.255

corotewindowsss

A Bahia registrou, nas últimas 24 horas, 1.048 novos casos de Covid-19 e 31 novas mortes causadas pela doença, segundo informações divulgadas pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), na tarde deste domingo (6). A taxa de crescimento no número de casos foi de +0,4%.

O óbitos, de acordo com a Sesab, ocorreram em várias datas. Com a atualização, a Bahia chega ao número total de 271.255 casos confirmados de pessoas infectadas pelo novo coronavírus e 5.658 mortes causadas pela Covid-19, o que representa uma letalidade de 2,09%.

A Sesab explicou que a existência de registros tardios e/ou acúmulo de casos deve-se a sobrecarga das equipes de investigação, pois há doenças de notificação compulsória para além da Covid-19. Outro motivo, explicou o órgão de saúde, “é o aprofundamento das investigações epidemiológicas por parte das vigilâncias municipais e estadual a fim de evitar distorções ou equívocos, como desconsiderar a causa do óbito um traumatismo craniano ou um câncer em estágio terminal, ainda que a pessoa esteja infectada pelo coronavírus”.

Dentre as mortes causadas pela Covid-19 no estado, 55,96% ocorreram em pessoas do sexo masculino e 44,04% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 52,39% corresponderam a parda, seguidos por branca com 16,38%, preta com 15,52%, amarela com 0,83%, indígena com 0,11% e não há informação em 14,78% dos óbitos. :: LEIA MAIS »

Governador libera eventos com até 100 pessoas estão permitidos

Tribuna da Bahia, Salvador

Por: Bernardo Rego – Estagiário

ruicosta

Amargando um difícil cenário em virtude da pandemia provocada pelo novo coronavírus, autoridades policiais seguem realizando fiscalizações, em Salvador e em todo o estado, encerrando festas e aglomerações a fim de que se evite o aumento de infectados. Os números de casos globais têm caído, mas ainda inspiram cuidados.

Diante disso, governador do estado da Bahia, Rui Costa (PT), assinou um decreto em que autoriza a ampliação do limite de pessoas em eventos em todo estado. O documento consta na edição do Diário Oficial desta quarta-feira (2). Portanto, atividades e eventos com no máximo 100 pessoas aglomeradas, estão permitidas, mediante autorização.

Dentre as atividades permitidas estão eventos esportivos, peças de teatro, shows, feiras, circos e passeatas, bem aulas em academias de dança e ginástica. Apesar da autorização, a decisão final sobre o assunto cabe à Prefeitura de Salvador. Procurada pelo jornal Tribuna da Bahia, o órgão disse que irá se pronunciar sobre o assunto durante coletiva em evento de inauguração que acontecerá nesta quinta-feira (3).

Muita gente se mostrou contrária a essa autorização. “Acho ruim, afinal serão 100 pessoas reunidas em um mesmo local, portanto não faz sentido algum tal decisão. Essas autorizações deveriam ter protocolos rígidos”, destacou a arquiteta Vanessa Bonfim.

A jornalista Iêda Tourinho também se posicionou de forma contrária à medida do governo, mas pontuou a respeito dos produtores de cultura que estão sem renda por não ter como realizar eventos. “Eu sou contra essa medida do governador, porque mesmo restringindo o número de pessoas a possibilidade de contágio existe. A curva ainda não estagnou, portanto há um risco. Em relação aos produtores de cultura, é uma situação delicada porque eles estão sem subsídios e por essa razão é necessário pensar de que forma estas pessoas teriam condição de retornar às atividades de forma segura”, pontuou.

O médico Tales Ramos, em conversa com a reportagem, demonstrou preocupação com a medida apesar de ter notado uma queda no número de pacientes na unidade de saúde em que trabalha. “Há três semanas o número de pessoas infectadas caiu consideravelmente onde trabalho, passei algum tempo sem atender pessoas com a Covid-19. De toda forma, permitir esse tipo de evento é preocupante porque a contaminação existe e é real. As pessoas precisam entender que a pandemia não acabou, mas vejo muitas pessoas circulando pelas ruas sem máscara. Se permitir atividades com até 100 pessoas o número de casos pode aumentar”, pontuou.

Ele também pontuou que a reinfecção é uma realidade, além das formas graves da doença. “As pessoas que já foram infectadas podem se contaminar novamente e até ter a Covid-19 nas suas formas mais graves. É preciso cautela nesse momento”, afirmou. De acordo com o último boletim da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), divulgado ontem, (2), já são mais de 260 mil casos confirmados da Covid-19 e mais de 5.500 óbitos.

checkup day

mg personal


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia