WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
afrojapa

radio up

iris calcados
maio 2021
D S T Q Q S S
« abr    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

:: ‘Saúde’

Dia Mundial do Câncer alerta para conscientização da enfermidade que engloba mais de 100 tipos de doenças

Gisele Souza*

raio

Embora o câncer seja bastante lembrado nos meses de outubro e novembro, em razão das campanhas Outubro Rosa e Novembro Azul, responsáveis por alertar a população para a conscientização do câncer de mama e de próstata, respectivamente, o Dia Mundial do Câncer, em 4 de fevereiro, é uma data criada com o intuito de disseminar informações sobre a prevenção do tumor maligno, que abrange mais de 100 diferentes tipos de doenças.

:: LEIA MAIS »

Lacen-BA detecta seis linhagens diferentes de coronavírus no estado

lacen

Um relatório divulgado pelo Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (LACEN/BA), classificado na categoria máxima de qualidade pelo Ministério da Saúde e terceira maior unidade laboratorial do país, revelou que seis linhagens diferentes do coronavirus estão em circulação na Bahia O estudo foi realizado a partir de 48 genomas do SARS-CoV-2 (Covid-19) e de acordo com a diretora geral do laboratório, Arabela Leal, as amostras foram coletadas em 25 municípios.

“Os 48 genomas sequenciados são provenientes de 25 municípios da Bahia, sendo que todos os pacientes tinham sintomas clínicos característicos, como dificuldade de respirar, cansaço, Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) ou pneumonia, bem como eram casos suspeitos de reinfecção e óbitos”, explicou.

De acordo com o secretário da Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, “nenhuma delas refere-se aos tipos encontrados em Manaus, África do Sul ou Reino Unido, que são cepas mais contagiosas. As análises contemplam amostras dos cinco últimos meses e demonstram que a vigilância estadual está ativa, possibilitando avaliar a dispersão do vírus no estado e investigar novas linhagens. Os seis diferentes tipos de coronavírus encontrados são subtipos do SARS-CoV-2 e não detectamos um risco aumentado para estas linhagens”, afirmou.

Ainda nesta semana, novos sequenciamentos genéticos serão feitos a partir do resultado de 32 amostras sendo que 11 são provenientes de pacientes que estavam em Manaus e foram transferidos para o estado.

A Tarde

Mais de 5 mil litros de insumo da vacina CoronaVac devem chegar a SP quarta-feira

corona

Os 5,4 mil litros de insumo para produção da vacina CoronaVac devem chegar a São Paulo na noite de quarta-feira, 3. Segundo o governo de São Paulo, a chegada do lote está prevista para as 23h30, no Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas.

O Instituto Butantan afirma que, com a matéria-prima, produzirá, em 20 dias, cerca de 8,6 milhões de doses do imunizante.

Em coletiva de imprensa na semana passada, o diretor do Instituto disse que outros outros 5,6 mil litros estão em processo “avançado de liberação” pelo governo chinês.

A expectativa do Instituto Butantan é a de receber, até abril, o total de insumo para produção das 40 milhões de doses contratadas.

O acordo feito entre o Instituto e o laboratório chinês Sinovac prevê o recebimento total de 46 milhões de doses. Desse montante, 6 milhões foram importadas prontas da China.

Nos próximos dias, o governo federal deve firmar um novo contrato com o Instituto Butantan para compra de um lote adicional de 54 milhões de doses da CoronaVac.

Em coletiva de imprensa na última sexta, 29, o diretor do Instituto Dimas Covas, confirmou ter recebido manifestação de interesse do Ministério da Saúde, e revelou que o acordo seria assinado nesta terça (2).

A sinalização do governo federal ocorreu após o Instituto ameaçar negociar as doses com estados e municípios brasileiros, além de exportar a países interessados no imunizante, caso o acordo com o Ministério da Saúde não fosse concluído.

A Tarde

Boletim epidemiológico: 16.471 pessoas se recuperaram da Covid e 482 seguem em recuperação

Até às 14h desta quarta-feira (27), foram contabilizadas 17.216 pessoas que já se infectaram com a Covid-19 no município, sendo que 16.471 delas já se recuperaram da doença e outras 482 permanecem em recuperação – 46 estão internados em Vitória da Conquista; três, em outros municípios; e 433 em tratamento domiciliar.

Estão sob investigação, 2.782 casos notificados por suspeita de infecção pela Covid-19 que aguardam por classificação final. Destes, 2.731 esperam pela investigação laboratorial e 51 pelo resultado do exame RT-PCR das amostras encaminhadas para análise no Lacen Estadual.

Mais um óbito por Covid-19 foi confirmado nesta quarta (27), pela Secretaria Municipal de Saúde.

263º óbito – Mulher de 83 anos, moradora do bairro Cruzeiro, portadora de Doença Cardiovascular Crônica e Hipertensão. Estava internada desde o dia 12 de janeiro no Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC), onde faleceu em 25 de janeiro.

Ocupação de Leitos – Neste momento, 97 pacientes estão internados em parte dos 153 leitos disponíveis (83 enfermarias e 70 leitos de UTI) na rede SUS para tratamento de pacientes confirmados ou com suspeita de infecção pelo novo Coronavírus. Além de moradores de Vitória da Conquista, também estão internados residentes dos seguintes municípios:

…Leia na íntegra

Há mais de um mês tratando a Covid-19, Herzem segue em semi-intensiva do Sírio

Há mais de um mês tratando a Covid-19, Herzem  segue em semi-intensiva do Sírio

Foto: Divulgação

O prefeito da cidade de Vitória da Conquista,  no Sudoeste baiano, Herzem Gusmão (MDB) segue internado na Unidade de Tratamento Semi-intensivo do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo.

De acordo com boletim emitido nesta quarta-feira (27), o gestor de 73 anos apresenta um quadro clínico estável, mas sem previsão de alta. 

Herzem testou positivo para a Covid-19, em 7 de dezembro do ano passado (lembre aqui), a partir daí, o prefeito tem enfrentado um processo lento  de recuperação. 

No dia 17 de dezembro foi diagnosticado com uma lesão pulmonar e precisou fazer uso de oxigênio para respirar com mais conforto (relembre aqui). 

Já no dia 26 do mesmo mês, foi transferido para  o Sírio-Libanês, onde deu entrada com um quadro de pneumonia secundária (veja aqui). 

Em 1º de janeiro deste ano, não tomou posse como prefeito, o que só aconteceu no dia 8 (veja aqui), um mês após ter contraído a doença. 

No dia 12 de janeiro a equipe médica que o acompanha, os  médicos Roberto Kalil, Carlos Carvalho e David Uip, cogitaram transferi-lo para a semi-intensiva do hospital, o que ocorreu apenas no último dia 18 e onde ele segue internado. 

 Bahia Notícias

Bahia atinge marca de mais de meio milhão de vacinas contra covid-19 recebidas

54.600 doses da CoronaVac chegaram na Bahia nesta segunda-feira (25)

No fim da tarde desta segunda-feira (25), 54.600 doses da CoronaVac, imunizante produzido pelo Instituto Butantan e pela chinesa Sinovac Biotech, chegaram na Bahia, no Aeroporto Internacional de Salvador. Essa é a terceira remessa de vacinas contra a covid-19 que chega no estado.

 A carga seguiu para a Central Estadual de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), em Simões Filho, para que possa ser distribuída para todos os municípios baianos.

Esta nova leva faz parte do segundo pedido para uso emergencial da CoronaVac feito pelo Butantan à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A autorização foi dada pelo órgão federal na última sexta-feira (22).

 Vacinas para a Bahia
 A chegada deste novo lote ocorre exatamente uma semana após a primeira remessa de vacinas desembarcar na Bahia, com 376.600 doses da CoronaVac, no fim da noite da última segunda-feira (18).
 Já a segunda leva de vacinas enviadas pelo Ministério da Saúde para imunizar baianos de Salvador e de todas as cidades do interior chegou na manhã deste domingo (24) e foi composta por 119.500 doses da vacina Oxford/Astrazeneca.
 Ao todo, já foram enviadas à Bahia 550.700 doses de vacinas contra o novo coronavírus.

Bahia tem 11 ocorrências de infecção pelo fungo Cândida Auris

O fungo é resistente a medicamentos e é responsável por infecções hospitalares, representando uma séria ameaça à saúde pública.

Tribuna da Bahia, Salvador
27/01/2021 10:00 | Atualizado há 1 hora e 38 minutos

Por Cleusa Duarte

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) confirmou em 7 de dezembro passado o primeiro caso de infecção pelo fungo Cândida Auris no Brasil. Ele foi identificado na ponta do cateter de um homem de 59 anos, que estava internado na unidade de terapia intensiva (UTI) de um hospital na Bahia. O fungo é resistente a medicamentos e é responsável por infecções hospitalares, representando uma séria ameaça à saúde pública. Na Bahia, onde foi descoberto o primeiro caso, mês passado foram identificadas 11 ocorrências até o momento.

:: LEIA MAIS »

Conquista: Secretaria de Saúde altera ponto de vacinação

A Secretaria Municipal de Saúde informa que, por questões operacionais, a vacinação dos trabalhadores da saúde da rede hospitalar que iria acontecer no 9º Batalhão de Polícia Militar foi transferida para o Boulevard Shopping, na Avenida Olívia Flores.

A ação acontecerá no mesmo horário, de 9h às 11h30 e de 14h30 às 17h, e é destinada aos profissionais que não dispõem de veículo (pedestres). Quanto a ação de vacinação por meio de drive-thru, permanece a mesma estratégia já montada no Comando de Policiamento da Região Sudoeste (CPRSO), também nesse mesmo horário.

É importante que os profissionais estejam atentos aos comunicados oficiais da Prefeitura, divulgados no site e redes sociais, sobre a duração e desenvolvimento da estratégia de vacinação, enquanto houver estoque disponível.

Israel registra queda de 60% nas internações por Covid-19 entre maiores de 60 anos após primeira dose da Pfizer

Segundo estudos clínicos, a vacina começa a ter efeito no organismo um mês após a primeira dose.

Tribuna da Bahia, Salvador
26/01/2021 06:00 | Atualizado há 3 horas e 22 minutos

País com programa mais veloz de vacinação contra a Covid-19 no mundo, Israel registrou uma queda de 60% nas hospitalizações de pacientes com mais de 60 anos três semanas após a aplicação da primeira dose do imunizante da Pfizer/BioNTech, de acordo com uma provedora de saúde israelense.

:: LEIA MAIS »

Austrália aprova vacina da Pfizer contra Covid e começará a vacinar em fevereiro

Tribuna da Bahia, Salvador
25/01/2021 10:21 | Atualizado há 4 horas e 37 minutos

Por Gabriel Bueno da Costa

O governo da Austrália informou que o regulador local “aprovou provisoriamente” nesta segunda-feira, 25, a vacina contra a covid-19 da Pfizer para uso emergencial, em pessoas acima de 16 anos. A administração diz em comunicado que os primeiros grupos prioritários, como profissionais de saúde e idosos em casas de repouso, receberão vacinas a partir de fevereiro e lembra que serão necessárias duas doses, com intervalo de 21 dias entre elas.

Até 50 hospitais da Austrália receberão a vacina da Pfizer para aplicá-la e ela também será enviada a casas de repouso. O governo da Austrália lembra em sua nota que já fechou “vários acordos” para receber vacinas contra a covid-19, como aquelas produzidas pela AstraZeneca e pela Novavax.

Segundo o jornal local Daily Liberal, o primeiro-ministro australiano, Scott Morrison, disse hoje que o país será afetado pelos atrasos nas entregas da AstraZeneca, com as primeiras doses de vacina da empresa chegando depois do previsto. Com isso, deve ser difícil o país cumprir sua meta de administrar 4 milhões de doses até março – essa meta foi transferida para o início de abril pelo governo local.

Fonte: Estadão Conteúdo

checkup day

mg personal

muay thai


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia